Aug 16, 2012

#107

E chegou a temida hora: estender ou nao? Depois da minha experiencia com a outra familia, em que a gente resolveu estender na minha segunda semana morando la (?), eles preencheram o app de extensao sem me avisar (e eu nem sabia se queria estender mais), pagarem todas as taxas (dinheiro que foi pro saco), eu nao tem nem os creditos necessarios pra extensao, entrar de rematch e ter dois meses pra resolver se a familia nova seria digna de passar mais um ano comigo, ou se eu ia encarar estender com uma familia nova, correndo o risco de ir parar em qualquer lugar, aqui estou com o veredito final: vou estender com essa familia linda que o rematch me proporcionou.

Mas nao era tao simples do tipo "so porque eu quero, eles tambem vao querer". Eles gostam muito de mim (diz a fofa ne, HAHAHA), mas eles nao sabiam se precisariam de au pair. O combinado era eu ficar ate o final do verao aka final do meu primeiro ano, e eu ir ser feliz em outros cantos. Mas todo mundo se deu bem, o santo bateu, eles viram que ter au pair eh legal e resolveram ficar comigo mesmo. Como as duas kids maiores vao pra escola todos os dias, meu trabalho vai ser ficar com a baby. MAAAAAAAAS as vezes a mae ia estar aqui com ela, entao por isso eles nao sabiam. A fofa me disse que na temporada de hockey, eles gostam de ir pra DC assistir os jogos, e me perguntou se durante essas semanas, eu me importaria de trabalhar pela manha, ter o break a tarde e trabalhar a noite. Logico que eu nao me importo, ainda mais com as kids indo pra cama as 8 (acho que durante as aulas, eles vao as 7). Ser paga pra ficar de bobeira ate eles chegarem, e ainda ter umas 5 ou 6 horas durante a tarde pra mim. Eu falei que tinham algumas aulas que rolavam de 1 as 4, e que eu tava pensando em fazer, ela falou que funciona pra ela facil.

O segundo empecilho era o carro. Eu usei o da fofa esse tempo todo enquanto ela usava o da BFF dela, que eh vizinha da gente e estava em Londres durante o verao. Agora ela ta de volta, a fofa ta saindo todos os dias com o carro e eu to presa em casa com as kids todos os dias. Quando eu fico off, o carro eh meu, mas confesso que era mais legal quando eu saia e fazia coisas divertidas com as kids, eles ficam muito bored em casa (sorte a minha que eles podem ver tv ilimitado). Ela tava querendo comprar um carro pra mim, mas meu fofo que eh surtado com dinheiro, tava considerando as possibilidades. Acabou que ela conversou com ele e o convenceu a comprar um carro pra mim. Agora eles so estao vendo se compram uma SVU pra eu poder usar com as kids + ir pro Bobby ou pra seila aonde durante os weekends, ou se compram um carro menor pra fofa usar durante o dia, deixando o grandao aqui comigo e quando eu tiver off, uso o pequeno. Dai ela disse que quando meu ano acabar eles veem o que vao fazer com o carro, se vendem, se deixam aqui (nisso eu suponho que eu vou ser a primeira e ultima au pair). Eu falei que a gente nunca sabe o que pode acontecer, se brincar ate eu compro o carro deles.

Entao assim que a gente resolveu a questao do schedule e o carro, nao faltavam muitas coisas. Ela disse que as kids me amam, que ela gosta muito de mim e que ate mesmo meu fofo, que tava com a orelha em pe em ter uma au pair, gostou da ideia e gosta de mim. Eu falei que era reciproco e que eu nao poderia estar mais feliz. So faltava entao completar os ultimos 3 creditos, enviar a papelada e pagar os $283, que por sinal eu nao tinha (nem tenho ainda). A moca da extensao da CC ficou em cima de mim e da fofa a semana passada inteira, mandando a gente ja preencher os forms (ja estao devidamente preenchidos, e minha extranet na CC ja esta mudada), mandar os certificados dos cursos e pagar. Eu sentei com a fofa e fui sincera, falei que eu nao tinha o dinheiro agora, ja que nas ultimas 2 semanas foi tudo pra pagar o curso de ultima hora, a passagem pra NY e tudo. Ela entendeu e falou que ia conversar com o fofo, eu falei que assim que eu juntasse eu pagaria eles de volta. Pois ela me falou domingo a noite que eles vao pagar pra mim, e eu nao preciso pagar de volta! Fiquei tao, mas tao feliz!

Ate mesmo depois do incidente com o carro de ontem, que eu achei que eles iriam desistir da extensao (afinal de contas, ja vi rematch por motivo menor que esse, relacionado com o carro). Mas eles mantiveram a palavra, e eu vou continuar por aqui! Eu amo, AMO essa familia, nao sou tratada como parte da familia mas tambem nao sou tratada igual funcionaria. Sou tratada pela host como uma amiga, e pelo hosto como alguem que ele tem que cuidar. Ontem a fofa falou que eu sou mais que bem vinda pra jantar com eles sempre que eu quiser, porque eu sempre desco pro quarto, mas que ela entende que eu nao quero mais nem ouvir a voz das kids quando eu fico off, ai eu falei que eu nao como com eles porque nao consigo comer as 6, se eu comer eu vou ficar com fome mais tarde, e que na outra familia ou eu ficava com fome, ou eu fazia noodles no quarto, entao eu reacostumei a comer la pras 8...9... ela falou que tudo bem entao, embora eu tenha jantado um dia com eles (o dia que eu fui preencher os forms da extensao), que ate lasanha no meu prato ela colocou. A gente conversa sobre tudo, ela eh super jovem (tem 35 anos) e age como se tivesse minha idade. A gente fofoca e fala sobre coisas engracadas, eu me sinto MUITO confortavel com ela. Alias, com os dois. Meu fofo sempre que me ve pergunta como eu estou, se eh pela manha ele pergunta se eu dormi bem, se tava muito frio no basement, sempre preocupado. Eu vim de uma HF em que meu host dad QUANDO MUITO, falava oi pra mim, e agora ter alguem realmente conversando eh muito bom. Minhas kids entao nem se fala, eu me apaixono por eles cada dia mais, principalmente pela mais velha, e eu vejo que eh reciproco tambem. Minha fofa disse que quando eu tava em NY, eles perguntaram de mim o tempo inteiro.

To bem feliz pela decisao de ter estendido e sei que nao vou me arrepender. Aqui eu levo a vida que eu pensei quando eu resolvi ser au pair, com o carro as coisas vao so melhorar, o schedule vai ser mais light, eu nao me importo de forma alguma de trabalhar a noite pra eles sairem, eu moro num lugar lindo, mas que alem de lindo, eh perto de muita coisa, entao nao to isolada no meio de casas e florestas. Me apaixonei pela VA de uma forma que eu nunca me apaixonei por MD (alias, to ate pegando raiva de MD, HAHAHA. acho que eh normal a rixa VA x MD) e a cada dia que passa eu fico mais feliz aqui. Nao tenho vergonha de comer o que eu quero, a hora que eu quero, de subir e fazer algo pra comer com a fofaiada na sala vendo tv, eh muito, MUITO bom sentir essa liberdade. Nao digo que eu me sinto 100% em casa, mas comparando com a outra host family, essa aqui faz com que eu me sinta uns 98% em casa :) e a minha fofa eh super interessada no Brasil, ta invejando minhas havaianas super, falou ate que vai mandar dinheiro pra minha mae comprar uma pra ela, HAHAHAH. Eu ja comentei aqui que a mulher do irmao do meu fofo eh  brasileira, entao eles sabem bastante coisa do Brasil e sao loucos pra provar caipirinha, pratos tipicos, querem que eu ensine palavras em portugues pras kids, sabe, tem um interesse mesmo, nao so um interesse por educacao. Hoje a fofa me perguntou como se diz em portugues todos os objetos que ela tava vendo na frente dela, achei muito legal.

Ou seja, ha rematches que vem para o bem! :)

Meu quarto, com mais carinha de "meu" do que nunca!



3 comments:

  1. Não tem nada no mundo que me deixa mais feliz do que saber que você está feliz. Tudo o que eu peço à Deus é que cuide de você e te faça feliz e que bom! Ele tem me atendido com louvor. Parabéns por tudo, filha, fique tranquila, você está no caminho certo e é por isso que tudo tem encaminhado para o bem. Eu te amo e isso nunca vai mudar, esteja você onde estiver. Nunca esqueça que eu e o seu papai estamos aqui, torcendo por você e prontos para o que você precisar. Lembre-se que somos o seu porto seguro.
    Prometo que vou me comportar este ano, sem dar piti de saudade e tudo mais. Vou saber direitinho esperar pelo o dia em que nos veremos pessoalmente. Tudo tem sua hora e não precisamos correr, quando a gente quer o universo conspira a favor.
    Eu te amo, toda sorte do mundo neste ano novo em sua vida, muitas surpresas boas estão por vir e você merece cada uma delas,
    mil beijinhos...
    Mami.

    ReplyDelete
  2. Posso chorar com o comentário da sua mãe? :)
    Linda!
    Ah, mas tu és tão querida que besta é a HF que não te der valor.

    ReplyDelete
  3. É...exatamente ha males que vem para o bem! Adorei ler sua historia ai nos eua..agora so tem a melhorar.. no paing, no gain! boa sorte... Bjsss

    ReplyDelete