Aug 30, 2011

#30

É com muita emoção que venho mostrar o meu visto lindo! Chegou hoje, achei muito rápido! E só mostrei a foto pq até dela eu gostei, HAHAHAHA. Eu esqueci de contar um detalhe da minha entrevista: o cônsul perguntou se eu tinha parentes nos USA (eu respondi que não, não tenho mesmo) mas a questão é que não lembro se ele perguntou isso antes ou depois de me conceder o visto. Também acho que ele me perguntou quando entrei na faculdade. Mas só acho, hahaha. Cheguei no guichê me forçando a lembrar de tudo pra vir contar, mas na hora que ele abriu a boca com aquele sorriso lindo, o mundo caiu e eu não sabia de mais nada!

Voltando a realidade, quinta feira fui providenciar minha CNH permanente. Pra quem achava que a minha, a sua, a nossa novela mexicana favorita (preciso de um nome pra ela urgente!) tinha acabado, tenho bad news: era só um break pro intervalo.

Aqui em Goiânia a gente tem um serviço (não sei se é nacional) chamado Vapt-Vupt, com vários serviços do governo e o DETRAN tá no meio, então a gente tem opção de ir lá fazer tudo relacionado ao DETRAN. Não tem nada de Vapt-Vupt, devo acrescentar.
Cheguei lá toda bonita e a moça me diz que preciso ir xerocar meus documentos. 0,60 mais pobre depois (pra quem é acostumada a pagar 0,06 pra xerox, é um roubo básico) voltei lá e peguei a senha, que btw já estava sendo chamada no visor. Sai Larissa correndo pelo lugar procurando o guichê que a estava chamando.

Conversa daqui, conversa de lá, preenche formulário de cá. A moça da entrada me disse que eram 60 reais do exame médico + 90 reais da renovação da bonita. Daí liguei pra minha mãe na frente da senhora que estava me atendendo e pedi uma confirmação do valor pra passar pra mamis, ok, 150 reais, tudo certinho né?

Preciso falar que não? Depois do atendimento, a gente precisa voltar na recepção e pegar a senha do caixa + a senha da foto. Fui pagar a bendita taxa de 90 reais e OPA OPA OPA SURPRESINHA, eram 128 reais (que eu só vi o valor DEPOIS de ter pego o dinheiro contadinho). Corri no caixa eletrônico com a promessa do moço do caixa que eu não ia precisar de outra senha, saquei o dinheiro e corri lá de volta. Na hora que entro na agência, uma das moças posso-ajudar me para: "Epa mocinha, precisa pegar senha antes".

Mocinha. Nunca, jamais, me chame de mocinha. Menina até vai. Mas mocinha é algo que me tira do sério. Ensaiei a melhor cara de bunda e falei que o moço tinha deixado eu ir com a senha antiga. Um risinho sem graça e lá vai Larissa pagar a taxa. Daí fui perguntar aonde era o guichê da foto, diga-se de passagem, do outro lado do lugar. Minha senha estava sendo chamada, era a 34. Chego lá e o rapaz "Acabei de cancelar sua senha. Tem que ir pegar outra e tem 4 na sua frente". Respira, inspira, peguei outra senha, esperei, fui tirar a foto, a primeira saiu horrível e a segunda não tão mal, a paradinha de impressão digital não gostou muito dos meus dedos mindinhos e a assinatura digital só pegou minha assinatura na segunda tentativa.

Pronto, agora era só pegar a senha do exame médico de 60 reais. Peguei a tal e perguntei se dava tempo de ir no caixa buscar o resto do dinheiro (já que eu só tinha pego 150 reais, lembram?) Pois é gente, chegando no caixa rápido descubro que eu não tinha mais dinheiro, haha. Super cool, né? Liguei pra minha mãe e ela disse que ia chegar lá em 40 minutos. Peguei meu livrinho e fui pra área de alimentação ler (e eles que morressem de chamar minha senha lá em cima).

Agora eu cedo espaço pra minha mãe que teve a própria novela: engarrafamento na BR. Ela chegou depois de quase 3 hrs. E eu enquanto isso fiquei lá lendo meu livro, hahaha. Pois bem, 6 hrs ela chegou, subimos e fomos pegar outra senha... "A moça foi lanchar, só 6:15", ok, enrolamos 15 minutos e fui pegar a tal senha, que já foi prontamente chamada. Sentei, já entreguei os 60 reais e meus documentos... só pra saber que:

EU NÃO PRECISAVA DE EXAME MÉDICO!

Sério gente, esperei a toa! Pra caso de renovação precisa, mas como eu estava migrando de provisória pra permanente, não era necessário. Agradeci, pedi meus 60 reais de volta e fui terminar de assinar o que precisava. Depois de amanhã devo ir buscar e solicitar a PID, que com certeza fica pronta na outra semana.

Também aproveito pra dizer que agilizei algumas coisas: separei as roupas que quero levar, mas depois de ajudar a Suélen a fazer as malas dela via skype e passar aperto com uma trouxinha de roupas bem menor que a minha, desisti e vou fazer outra triagem. Os presentes pra family estão encaminhando, gostei muito do que vou levar, vou fazer um post separado pra isso depois. Também arrumei os kits-turismo que recebi em 4 grupos: um pra host family, um pra Suélen, um pra Fernanda e um pra Agustina, minha amiguinha da Argentina que tá me ajudando muito e mora pertinho de mim. Veio tanta coisa que cada kit ficou ótimo e super completo!

Também preciso fazer um post contando da minha nova rotina na creche que estou estagiando. Já viram au pair aumentando horas com kids depois do match? Pois bem, I am! E preciso também fazer outro post com um "desabafo" sobre tudo que ando lendo por aí nas redes sociais sobre o programa. E ah, minha HF passou bem pelo terremoto/furacão. A gente manteve contato por email desde quinta feira, e ela me mandou um email antes de ontem dizendo que a Irene já tinha passado, eles e a casa estavam bem, porém sem internet. Achei fofa ela me avisar. Mas por hoje chega, que já falei demais!

Aug 24, 2011

#29

Finalmente o post mais esperado do universo de toda au pair: o do visto. Todo mundo (pelo menos quem viu no facebook) já sabe a resposta, mas vou contar a super saga que foi. Preparadas pro próximo capítulo da minha novela mexicana?

Quando eu tive meu match, agendei o visto no mesmo dia. Pra quem não sabe, toda quarta meu pai e o “chefe” dele (que é mais amigo que chefe) vão pra Brasília trabalhar, então seria certo que eu ia tirar o visto numa quarta feira. Eu queria pro dia 17, mas o consulado não abriu, então ficou pra hoje mesmo. Agendei, beleza, fui contar pro meu pai. PRA QUÊ.

Ele não achava que o amigo dele (pq ele vai de carona – trocadilho com o nome do blog?) sairia mais cedo por minha causa, já que eles geralmente saem ás 6 da manhã, e se nós saíssemos nesse horário eu ia chegar mais que atrasada, já que meu visto estava agendado pra 8:10. Aí ele sugeriu que eu fosse dia 23 e ficasse em um hotel, mas quase caiu pra trás quando viu que a diária mais barata era R$110. Sem chances, né pessoal? A pessoa mora a 3 hrs de Brasília e vai ficar em hotel? Acabou que o amigo dele ligou e falou que a gente ia sair mais cedo sim senhor!

Eu passei a semana toda fingindo que o v-day não estava próximo (Fe e Su que o digam). Passei o email pro meu padrinho pedindo todos os documentos dele, e passei pra minha mãe a relação dos docs que ela teria que pegar dela e do meu pai. Beleza né?
Segunda feira a noite, eu não tinha NADA em mãos. Mandei email pro meu padrinho e a noite ele mandou os docs, ficou faltando um que ele iria mandar terça feira. Daí minha mãe imprimiu tudo e saiu atrás dos dela e do meu pai. Ela chegou aqui em casa umas 18hrs e CADÊ alguns docs do meu padrinho? Ela não tinha impresso dois (um com os contracheques e o outro com a cnh dele xerocada) Ligamos pro meu pai (que passou a tarde na lan house imprimindo tudo) e pedimos pra ele imprimir. Nisso a contadora deles também não tinha passado o imposto de renda dos dois (e quando passou, os DOIS endereços estavam errados). Papai chegou com tudo, tudo lindo e perfeito né? Não de novo.

Eles tinham esquecido de pegar o dinheiro pra eu pagar a taxa do sedex. Corre no caixa eletrônico, pega o dinheiro do sedex + táxi + passagem pra Goiânia + almoço. Quando deu a noite eu comecei a desesperar, mas minha mãe me acalmou e eu fui ouvir música e tentar dormir, isso 23hs. Consegui dormir 2:20am. Pra acordar as 4am. Lindo né?

Acordei, tomei banho e fui me arrumar, nem tomei café e o chefe do meu pai chegou, saímos correndo, eram 15 pras 5 e fomos viajar. Eu dormi a viagem inteira, fiquei ouvindo música e tentando não pensar (com sucesso). NIQUI ouvindo o rádio descobrimos o que o que o que? MST fazendo passeata no eixo monumental (o caminho mais perto pra chegar no consulado). Rodamos a cidade INTEIRA, demos quinhentas voltas e 7:50 minha mãe liga desesperada perguntando se eu já tinha entrado. Não, né gente? Pra quem conhece Brasília, nessa hora eu estava no Setor Hospitalar (algo assim).

Chegamos no consulado EXATAMENTE às 8:05 (meu horário era 8:10, lembram?) e eu fui colocar as coisas numa van-guarda-volumes que tinha na porta. Meu pai encrencou de deixar meus dois celulares lá (um eu uso só pra internet) e acabou ficando com o outro pra ele, eu deixei o que eu uso pra net lá mesmo, pra poder postar no grupo do facebook assim que saísse do consulado.

Beleza, entrei na fila das 8hrs, 3 pessoas na minha frente, foi super tranquilo, tinha uma senhora na minha frente – mal sabia eu que era o anjo em forma de gente.
Entrei, tudo muito lindo, um monte de cadeira vazia e eu fui pra fila de mostrar os documentos, em Brasília eles pedem os documentos do sponsor na pré-entrevista. Mostrei tudo e fui sentar (a senhorinha sentou do meu lado) e ficamos conversando a toa até a hora das digitais, fui lá, tirei, 2 segundos.

Daí que enquanto eu estava na fila da pré-entrevista (que foi relativamente rápida, tinham umas 30 pessoas na minha frente) eu fiquei observando o único guichê aberto – o 4. Era um português que estava lá (sotaque fortíssimo) e eu fiquei desejando ir com ele, ele parecia estar concedendo todos os vistos.

Beleza, voltando pra enquanto eu estava sentada esperando ser chamada pra entrevista. Aquela senhora que entrou comigo, se sentou ao meu lado, como eu já disse, e conversa vai, conversa vem (ela mora em Brasília mesmo) eu perguntei como fazia pra chegar na rodoviária de ônibus/táxi/a pé/whatever. Ela se ofereceu pra me levar, o filho dela ia sair da faculdade e busca-la lá, e eles iriam me levar. Adorei né? Conversei com uma outra menina também, as duas estavam só renovando o visto de turista e nisso eu fui ficando tranquila e até esquecendo aonde eu estava/o que eu estava pra fazer. Fiquei zen mesmo.

Aí os guichês 3 e 5 abriram (o 2 permaneceu fechado, e os outros 3 eram pras impressões digitais) e eu percebi que o 3 fazia a entrevista muito rápido, e o alto falante dele estava super alto, da onde eu estava dava pra ouvir tudo. Além do que ele estava aprovando todos também, e percebi que o 5 fazia muitas perguntas, era um loiro lindo com cara de alemão. Minhas duas “amiguinhas” foram pra entrevista, depois pra fila do sedex e eu fiquei plantada lá, jurando que a senhora tinha ido embora. Sentou uma outra moça ao meu lado, e ficamos observando os guichês, eu já estressada com a demora (fiquei quase 3hrs esperando) e torcendo pra não ir no 5. Mas como a moça disse, do jeito que ela era azarada ela iria no 5 mesmo, e eu, conhecendo minha “sorte”, soltei que provavelmente eu também. E não deu outra, senha 223, guichê 5. Segue a entrevista:

EU: Bom dia
Consul mais lindo do universo: Bom dia (sem olhar pra mim)
Consul: Fala ingles?
EU: Um pouco
Consul: Ok, lets practice
EU: ok
Consul: Where are u going?
EU: Upper Marlboro, in Maryland
Consul: (conferindo no papel) Yes, au pair, right?
EU: yes
Consul: Will u study there?
EU: yes, because the agency requires us to study 6 credits to complete the program
Consul: and what will u study there?
EU: as I study International Relations here, i intend to improve my english doing ESL classes.. you know, English as Second Langu...
Consul: Yes, so you'll work on Itamaraty! (animado)
EU: I hope so (rindo)

Dai ele pediu um minuto e desligou o microfone, pq chegou um outro cara la mostrando um passaporte pra ele, dai ele digitou umas coisas referente ao passaporte que o homem levou.
Dai ele ligou o mic de novo e começou a me passar os documentos, enquanto disse:

Consul: ok Larissa, your visa was approved
EU: thanks!
Consul: and keep this paper ALWAYS with you (mostrando o DS seila o que, o que a agencia manda)
EU: So you think its better to keep a copy with me?
Consul: Yes, you cannot lose this paper, dont put it on your pocket or jacket, keep it safe (sorrindo)
EU: Ok, then I just need to pay the sedex tax?
Consul: yes, its right there

Ai eu fui saindo e ele abriu a boca tipo querendo dizer algo, ai eu virei e ele "Bom di.. good morning" ai eu "bom dia" e sai. FIM!

Foi SÓ isso gente! Não pediu nenhum documento, e me deu aquele panfleto com os direitos do imigrante e falou que se eu tivesse qualquer problema, pra eu não passar aperto porque eu tinha direitos! Daí fui pra fila do sedex, conversei com a moça da minha frente, que fez a entrevista no guichê 4 (com o português) e falou que ouviu a minha toda em inglês e que o consul fez trocentas perguntas pra ela! No fim das contas amei ter ido com o loirinho lindo.

Aí saí, fui no guarda-volumes pegar minhas coisas e já fui perguntando como que eu chegava na rodoviária. Não é que a senhora da carona me aparece detrás da Kombi “brigando” comigo, que eu tava arrumando táxi pra ir sendo que ela estava me esperando? Ela foi um anjo que Deus mandou viu, porque ela me levou na rodoviária, ficou 1hr esperando eu sair do consulado e fomos conversando e foi super.

Cheguei lá 12:00, comprei a passagem pra 13hrs e fui almoçar, postei no grupo, liguei pra Suelen, pra minha mãe, e meu celular não acaba os créditos E a bateria? Lindo né? Mas deu pra avisar todo mundo, meu pai já chegou com o outro celular e deu tudo certo! Mandei um email pra minha hosta assim que saí do consulado também, contando que tinha conseguido e ela respondeu super feliz.

E ah, um adendo que minha mãe me contou: meu pai ficou tão doido atrás de mim, porque eu demorei muito lá dentro, que fez ela ligar no consulado atrás de mim. E ela ligou, haha, mas não adiantou de nada. Minha ficha ainda não caiu, que eu realmente CONSEGUI MEU VISTO! E que dia 18 embarco pra NY. Só sei que eu quero fazer minhas malas logo, amanhã vou providenciar a CNH permanente e depois a PID, e pronto.

E se todo o meu processo foi uma novela mexicana, acho que posso dizer que esse foi o seu final feliz.

Aug 18, 2011

#28

Oi gente! Considerando que muitas meninas tiveram o match por agora, e que a grande maioria é da CC, vou fazer um post-tutorial de como preencher o DS160, porque eu segui um post do ano passado e algumas informações mudaram.

Pra quem quiser saber como são os procedimentos pós-match (no caso da Cultural Care), só ler esse post da Lais Zinano, que explica tudinho.

Primeiro são suas infos pessoais, preencham de acordo com o que tá ali em cima, claro que com seus dados. Mesma coisa pra imagem daqui de baixo, acho que o passaporte de todo mundo é do tipo REGULAR, então só preencher assim :)

Sobre o sponsor, meu caso foi meu padrinho (que tbm é meu primo, por isso o OTHER RELATIVE, caso contrário seria OTHER PERSON). Preencha com as informações do seu sponsor e pronto.

Se vc já foi pros EUA antes, coloque SIM nas opções, mas sempre coloque NO no OTHER PERSON TRAVELING WITH YOU

Aqui é pra quem é da Cultural Care. Não sei como funcionam as outras agências, mas aqui coloquem o nome do host, em ORGANIZATION NAME IN THE US coloquem CULTURAL CARE, e no campo endereço, o endereço da sua host family.

Sobre as imagens acima: quem estuda, coloca isso como PRIMARY OCCUPATION, porque faculdade é o vínculo mais forte que alguém pode provar. Quem já se formou, coloca o trabalho então, e eu acho que tem um campo lá pra falar que já fez faculdade. Quem trabalha/trabalhou, sempre colocar o que fazia na empresa.

Quem quiser um visto negado, só por YES em qualquer uma dessas opções acima.

Aqui vc coloca 2 referências que podem confirmar o motivo da sua viagem (ou algo assim). Eu acho que eles não ligam, porque a Suélen me colocou como uma delas, e eu não recebi ligação. Retribui o favor e te pus também viu Su?

O número SEVIS a agência te informa. No caso da CULTURAL CARE, ele fica disponível na sua extranet em 24hrs depois do MATCH. O número do programa a Carolina Zopi manda por email, é esse daí. E na pergunta DO YOU INTEND TO STUDY IN THE US? a CC orienta a colocar NO.

Aonde vc vai tirar o visto e na pergunta seguinte, coloque NO.

Quando você termina de preencer, eles te dão a opção de REVIEW tudo. Não preciso dizer pra conferirem o application TODO né? Caso tenha errado em algo, tem como mudar. Marque a caixinha alí em cima, coloque NO de novo e pronto.
BTW, esses prints eu tirei quando estava revisando, quando vcs estiverem preenchendo não é assim viu?

PARABÉNS! Você terminou de preencher o application e deu o submit, agora não pode mudar mais nada. IMPRIMAM a página de confirmação e LEVEM NO DIA DO VISTO. Não há necessidade de levar o application inteiro impresso. Pra quem não tem impressora em casa, tem a opção de mandar a confirmação pro seu email, e você imprimir depois.

A página de confirmação é essa daqui oh:


Beijo grande, e boa sorte! Próximo post vai ser I GOT MY VISA (i hope so).

Aug 16, 2011

#27

Oi meninas! (digo meninas pq o post de hoje é especialmente pra vcs, e também pq ainda não tive indícios de nenhum rapaz por aqui). Vim dar umas dicas de comprinhas que podemos fazer pela internet e que tem frete grátis pros EUA (em alguns casos) e até mesmo entregam no Brasil. Tudo com preço muuuui amigo.

Primeiro site é o Etsy. A forma de comprar é semelhante ao mercado livre (que btw, eu não confio), os vendedores postam os produtos fofinhos e a gente compra. Tem como colocar os produtos nos favoritos, o site monta uma página pra ti com os produtos que vc mais gostou e dá sugestões de produtos que vc pode gostar.
A maioria das coisas são handmade, o que eu acho muito muito bom. Lá é tudo muito fofo e principalmente barato. Colares lindos por menos de $1.

Não acredita? Vem comigo.

Brinco de coruja | Colar de polvo | Colar de borboleta | Anel da Inglaterra | Colar de elefante | Anel de gato | Pingente Paris

O segundo site por incrível que pareça, é o Ebay. Esse sim, pode-se dizer que é o mercado livre americano, porém eu acho muito confiável, já fiz várias compras e nunca tive problemas. O frete pro Brasil demora mais um pouquinho, cerca de 1 mês, mas pra quem está nos EUA compensa muito. Conhecido mundialmente por ter os melhores eletrônicos nos melhores preços, as vezes passa desapercebido ao se falar em acessórios.

Vim aqui mostrar que o Ebay pode sim, se tornar seu melhor amigo na hora das compras.

Anel de anjo | Clip de cabelo | Colar de coruja | Pingente coração | Brincos de tesoura | Anel de coelho

Mas vamos supor que vc não quer comprar bijouterias. Que é apaixonada por artigos de papelaria (sim, existem pessoas assim. Eu sou uma delas). Eu tinha um site salvo nos favoritos que eu AMAVA ficar babando pelas coisas, porém, perdi :) mas em compensação, trago outros igualmente fofinhos.

Dessa vez já vou deixar os sites direto: kawaii imports | paper glitter | the kawaii notebook

E maquiagem? tenho certeza que muitas meninas gostariam de saber de outras marcas que não seja MAC. Eis que lhes apresento a Eyeko. Tem de tudo desde esmaltes a cremes.

Por fim, deixo mais dois sites que vendem de TU-DO. e por tudo eu quero dizer todo e qualquer tipo de coisinha inútil que a gente adora comprar. O DealExtreme e o Gadget4all. Enjoy it e boas compras!

Aug 11, 2011

#26

Oi gente! Vim aqui contar um pouquinho como anda a "cabeça pós match". Acho que eu realmente fui abençoada ou algo do tipo, sempre que eu lia as meninas no grupo contando que as families sumiam depois do match, eu ficava meio triste... não queria que a minha sumisse, claro que não queria emails todo dia, mas não queria ficar "no escuro". Desejo atendido!

Acordei hoje com um email MUITO fofo da host. O segundo depois do match. No primeiro, ela explicou que não me pediu o match diretamente pois não queria me deixar em uma posição difícil, pra eu sentir como se eu tivesse que escollher e se, caso eu não os quisesse, me livrar de ter que falar isso pra eles. Por isso mesmo (e também, como host de primeira viagem) ela resolveu falar com a CC e pedir que a CC falasse comigo. Muito fofa.

O email de hoje veio com fotinhas do meu baby... gente, ele é MUITO lindo! E isso não é coisa de au pair coruja não viu? Ele não tem aquela carinha de joelho que recém nascido costuma ter, é super grandinho :D ela disse que está very excited com a minha ida pra lá e que esse fim de semana iriam começar a preparar o DJ pra minha chegada. Além disso, escreveu uma parte que eu pre-ci-so compartilhar com vocês:

I am also feel very nervous and a little anxious, but just like you I have faith and trust in God that everything will go well. I believe it is normal to have these feelings, we both are about to beginning a major life change. I love how we can have these honest email conversation.

Fala se não é a hosta mais fofa do universo? Cada dia eu fico mais feliz com a minha escolha, e eu não tinha comentado aqui, mas eu tinha feito uma lista (amo listas) com os requisitos que eu queria na minha host family. e eles atenderam a grande maioria, exceto:
  • 3 hrs de NYC: mas acaba que DC é tão bom quanto, eu estou só a 4 horas de NYC e megabus tá aí pra isso.
  • 2 kids com idades entre 4 e 15 anos: acabou que tem um boy de 4, mas que eu só vou aprontar pra ir pra escola, e vou ficar com o baby. E querem saber? Achei MARA. não vou ter que aguentar menino mimado me chingando e batendo, vou ver meu little E* engatinhar, andar, falar as primeiras palavras... lindo demais.
  • banheiro no quarto: nunca tive, um ano a mais sem não vai me matar não. até porque não tenho produtos de beleza caros pra poder ficar guardando a sete chaves, então tranquilo.
E sobre os requisitos que eu acho os mais importantes, eles atenderam todos:
  • Hosts que trabalham fora de casa: porque acho stay at home um saco, desculpa aí quem gosta, mas eu não curtia nem quando minha chefe ficava na minha sala, pensa a mãe/pai na casa o dia todo?
  • carro ou transporte público na city: carro pros momentos de trabalho, e se eles pegarem confiança em mim, pros momentos off. transporte de DC é a coisa mais linda, a estação de metrô mais perto da minha casa fica a 20min, mas pra deixar o carro lá é $5, então tá de boa.
  • kids com atividades: ela disse que pretende inscrever o DJ em aulas de música, mas não sei se eu quem iria levar. o baby quando ficar maiorzinho também vai ter atividades.
  • college bom perto: muitos, muitos, muitos colleges bom. tanto faculdades quanto community colleges. tô tranquila!
  • weekends off: nem fazia questão de serem todos, mas como vão ser... vou reclamar?
  • city pequena porém com malls and parks: eu sou apaixonada por parques. quem me conhece, sabe. daí que a sei lá, 5 metros da minha casa tem um, com lago e tudo. na frente da casa tem outro laguinho até com chafariz. e o six flags fica a 7 minutos de carro. preciso falar? em relação aos malls tbm tô tranquilinha, em torno de 15min de carro eu tenho 3 opções pra ir.
  • au pairs perto: se eu achei dez meninas, foi pouco. tô sendo bem topetuda mesmo e conversando com todas que vejo que estão a no máximo 1hr de mim. Brasileiras, Alemãs, Colombianas, Argentinas... ninguém escapa. Fiz amizade com uma argentina que sinceramente, já virou amigamesmo e tô falando com uma alemã que vai embarcar no mesmo dia que eu, vai fazer o treinamento no mesmo dia lá na escola da CC e vai pegar o mesmo bus que eu pra ir pra Bethesda (e de lá, as families buscam a gente). Até agora não apareceu nenhuma brazuca que embarca comigo, então tenho que socializar com as alemãs mesmo, hahaha.
  • cellphone: questão delicada, tanto faz, tanto fez. não tenho certeza sobre isso ainda, a HM me perguntou se eu iria levar meu laptop e cellphone, falei que o laptop eu iria, mas o cell não, pq acho que não funciona lá (alias, se alguém souber se um samsung corby funciona lá, me avisem viu? peguei amor nesse celular e não queria deixar ele aqui). mas eu acho que se ela perguntou é porque vai me dar, mas de qualquer forma eu quero comprar um iphone 3 desbloqueado no ebay as soon as possible.
  • que tenha housekeeper: ela disse que está vendo a possibilidade de contratar alguém pra ir de 15 em 15 dias. de qualquer forma, eu fiz questão de perguntar duas vezes quais seriam as minhas obrigações na casa: só coisas relacionadas aos boys, não falou nada sobre limpar o banheiro e nem da louça, mas como educada que sou, não custa NADA colocar as coisas na dishwater, certo?
  • aceitem pagar hora extra e não entrar de rematch: não falei sobre horas extras, mas acho que nem quero também. claro que em todos os meus momentos off, ela vai querer passar com o baby pra curti-lo, ela deixou isso bem claro. sobre o rematch, só estando lá posso saber, mas minha primeira impressão é que, a não ser que ela seja uma louca, não vai rolar. espero, né?
  • ir até final de setembro: item mais lindo do mundo, que vai se realizar, vou na data que pus no application e isso mostra o quanto Deus é maravilhoso. Pra quem não sabe, tenho um casamento dia 17 de setembro das minhas primas gêmeas, vou ser madrinha, minha mãe é a cerimonial e este vai ser seu primeiro evento.
Falando na minha mãe, a partir de hoje temos uma nova leitora neste blog: ela ♥. Achei que era hora de contar sobre o blog e agora ela vai vir sempre aqui conferir como andam as coisas, até porque eu morro de preguiça de contar a mesma coisa 10 vezes, então eu escrevo aqui, ela lê e fica tudo lindo. Só que tem que comentar, viu mãe?

Falando sobre hoje de novo, fui resolver algumas coisas, e acabei não resolvendo quase nada. Tirei a foto pro visto, que ficou horrorosa, pra variar, mas que demorou demais, porque? Porque tudo na vida não é fácil, fiquei mais de meia hora tentando tirar meu alargador preto pequenininho, mas que iria aparecer. Depois de muito tempo e a orelha vermelha, ufa, tirei. Vou tirar a foto, minha pressão baixou, meus lábios ficaram brancos, e só depois da 3º foto que o trem começou a prestar. Mas no fim deu tudo certo, já testei no site do DS160 e eles aceitaram a foto.
Falando sobre o visto ainda, já marquei, mas seguindo minha linha esquizofrênica, vou contar só quando conseguir!

Fui tentar pegar minha CNH permanente, guess what? eles me mandaram uma carta há quase 1 mês dizendo que eu podia ir lá, chego e a moça diz que só depois que a provisória vencer (o que acontece neste sábado). Terça que vem eu resolvo isso, pago os R$129 (absurdo!) e depois de 10 dias, ela chega, aí eu peço a PID (mais R$ 120 e tantos) e depois de mais 10 dias, ela chega também. ufa!

Amanhã vou pra faculdade participar do trote dos meus "ex-futuros-calouros" e trancar meu curso. Depois disso ainda falta fazer a procuração de plenos poderes pra minha mãe, que eu já tenho digitada, só falta reconhecer em cartório, resolver essa PID maledita, esperar meu padrinho responder meus emails com os dados e documentos dele como meu sponsor e fazer uma reuniãozinha aqui em casa com duas amigas, pra distribuição das minhas amadas bolsas e roupas que não vou levar. Falando eu roupa, já sei a que eu vou pro dia do visto, é a mesma que eu usei nessa fotinha do meu perfil!

Daí vcs me perguntam "mas procuração agora? pid? começar a dar as coisas? menina, nem visto vc tem ainda!"... mas eu sou muito ansiosa, precipitada e depois que eu pegar o visto, meu tempo não vai ser o suficiente pra correr atrás de tudo, já que tudo vai girar em torno do casamento. Minha mãe não vai ter tempo de sair comigo atrás das coisas, meu pai não tem paciência e eu não tenho saco de ir sozinha, então vai antes mesmo. Bom que eu não me desespero dias antes do embarque. 60% dos presentes estão comprados (grazadeus) e pagos (mais grazadeus ainda), então minha preocupação realmente é só com o visto. Que claro, pra ser devidamente agendado-resolvido como iria pra Brasília tirá-lo, foi outra novela. Mas essa eu deixo pra contar depois.

Aug 9, 2011

#25

Agora sim, enrolei, enrolei, e vim pro famoso post do I have a match! Claro que todo mundo aqui sabe que foi uma novela mexicana, pra variar né? Mudei o layout do blog pra dar boas vindas a nova fase e pah :)

Aquela última family (a da casa linda, perfeita, maravilhosa, uma mansão) entrou dia 29 de julho e saiu tipo, umas 4 horas depois. Mas como sexta feira é um dia lindo, eu sai do trabalho com eles no meu app, cheguei em casa super a noite e pam! OUTRA family no meu app. Fiquei meio perdida, mas dei uma googlada básica na cidade e nos nomes dos hosts, mas não descobri muita coisa.
No sábado como meu dia foi super produtivo -not, fucei no google até ele pedir arrego. Descobri TUDO menos o endereço, que foi super fácil de descobrir das outras families. Em compensação descobri três emails, todos comerciais. Liguei o foda-se e mandei HAHA mandei pro três, um eu nem sabia se era da hosta mesmo, mas mandei. Agradeci por terem entrado no app e tal, que se quisessem conversar eu estaria disponível. Na mesma hora a hosta me respondeu marcando uma conversa no skype pro domingo, trocamos mais uns dois emails e ok.

Domingo a conversa estava marcada pra 5pm. Estou eu aqui no pc jogando calmamente, quando 4:30 ela me chamou no skype. GENTE. Eu estava de PIJAMA, com a janela toda aberta (dá claridade, não dá pra ver nada na webcam), o arquivo do word com as perguntas tava perdido aqui no meu pc e além disso tudo, eu estava morrendo no jogo. Liguei o foda-se de novo, aceitei a chamada e já falei que só ia ali fechar a janela. Conversei durante meia hora com a hosta, que foi super simpática, me mostrou o barrigão (já explico) e é super engraçada e falante! Adorei.

Daí assim que desligamos, eu mandei um email agradecendo a conversa, pedindo desculpas pelo meu inglês (entendi tudo que ela falou, mas pelo nervosismo, gaguejei um pouco) e com algumas perguntas (pq eu não consegui fazer nenhuma por skype -- mentira, consegui fazer 2: se eu seria a primeira au pair e se eles já tinham vindo pro Brasil) e mais tarde, mas no mesmo dia, eu já tinha minhas respostas. Dividi aquele post que eu fiz das perguntas em dois "tópicos": nesse primeiro email, só perguntas relacionadas ao boy de 4 anos e sobre algumas coisas da rotina deles.

No outro dia, segunda, o baby nasceu. PE-PE-PERAÊ que eu nem expliquei sobre a family né? Eles moram em Upper Marlboro, Maryland. Tem um filho de 4 anos e o baby que nasceu segunda passada. O boy fica na escola o dia todo porque a mãe trabalha lá, então ela fica com ele. Meu job vai ser só cuidar do baby. O pai é vice-reitor de um colégio lá, e a mãe é tipo aquelas psicólogas de escola. Eles moram a 20min de Washington DC e eu vou poder pegar o carro pra sair com o baby, quando estiver muito 'boring' e dependendo do nível de confiança neles em mim, eu posso pegar o carro de fds também, mas eu não quero, quero andar de bus e metrô e trem e tudo que eu tenho direito, porque quero conhecer as coisas na raça e não dentro de uma caixa com janelas.

Meu quarto vai ser no 4º andar da casa, banheiro dividido com as kids. Eles são negros, então acho que são menos "americanos", sem aquelas frescuras e tal. Deu pra perceber, na nossa segunda conversa por skype, em que a family toda participou, que o boy de 4 anos não é tão mimado. Ele é super hiper mega ativo e falante, e os pais deram uma "cortada" nele, de forma educada mas deu pra ver que lá, quem manda são os pais. Meu schedule vai ser de segunda a sexta das 7am às 4pm, todos os weekends off. Eu já vi algumas faculdades mas provavelmente vou fazer o ESL na Bowie University, o host dad faz doutorado lá e de acordo com a hosta, "tem influências que podem te ajudar a entrar lá".

Enfim, na segunda o baby nasceu e eu enviei um cartão que eu fiz por email pra hosta, desejando tudo de bom pra ele e etc. Segundos depois o host me respondeu avisando que ambos, mamãe e bebê, estavam ok. Eu fui agradecer e pus "Thanks Mr. D*" e ele já me mandou um email falando pra eu chamá-lo só de D* porque eles iam começar a me tratar como family, que não era pra ter essas formalidades. BTW, eu não vou por o nome de ninguém aqui, só as iniciais, então o host dad é o D*, a host mom é a N*, o boy de 4 anos é o DJ e o baby é o E*.

Conversei com o host dad/host mom todos os dias da semana por email, daí sábado tínhamos combinado de conversar de novo. Aconteceu um fato curioso, na segunda mesmo, eles tinham caído do meu app (a CC tira depois de 48hrs, quando a family está com o seu app e de outras meninas, pra saber se esse é seu caso, o email que vc recebe é "Cultural Care Host Family Match"). Dai na quarta feira, recebo o mesmo email e opa, olha eles lá de novo. Meia hora depois recebo o outro email ("You have a match", que é quando a family tá só com o seu app e tem 2 semanas pra cair). Fiquei feliz, claro, mas eles não liberaram informações, então o app continuava do mesmo jeito, porém com esse diferencial que agora, eles só estavam com o meu.

E o que acontece sábado? Minha internet dá pau, fiquei sem por 4 horas, mas uma meia hora antes da conversa, ela voltou. Beleza, 6:30pm, host online, ligamos a webcan, ela me apresentou o marido e o filho mais velho e... pff, internet caiu. Passei bem uns 8 minutos de desespero até que ela voltou, e a conversa rendeu por mais meia hora. O host me fez algumas perguntas específicas, sobre eu gostar de estudar, se eu aguentaria o frio, e tal. Me apresentaram o baby, coisinha mais linda do mundo, a mom tava amamentando ele e perguntou se eu me incomodava, mas que (novamente) queria me ter como parte da family então que ela não tinha vergonha. Combinamos de conversar mais no domingo, mas com meus pais presentes, porque eles queriam conhecê-los.

ok, domingo, lindo dia né? NÃO. fiquei sem internet simplesmente o-dia-todo. Surtei, né? Mas peguei meu cel, mandei email pra hosta avisando, meu pai tentou fazer o celular dele de modem, nisso a host decidiu me mandar um monte de perguntas e eu sem ter como responder, mas acabou que deu tudo certo. Meu pai conseguiu por o celular de modem por uns minutos, deu pra eu responder o email dela com as perguntas (que eu já tinha escrito no bloco de notas). Quando deu mais ou menos meia noite ela me mandou outro com mais perguntas, e agora? Meu pai dormindo, meu celular não tem como abrir duas abas do email, que que eu fiz? Abri o bloco de notas no pc, escrevi o email nele com as respostas, passei o arquivo .txt pro celular e fui configurar o email do próprio cel pra mandar email pra ela com anexo. E guess what? depois de 3 tentativas, deu certo. No total acho que trocamos uns 8 emails.

Enfim (tá acabando gente, juro! quis contar bem detalhado porque drama mexicano precisa de tensão) na segunda o cara veio arrumar a internet, assim que resolveu eu mandei um email pra ela com o email original (o que eu tinha feito no bloco de notas) e explicando que finalmente, minha net voltou. Ela sempre foi muito compreensiva, escreve emails enormes (pros padrões americanos) e a gente já tinha combinado que na segunda, ela faria a decisão dela. Quando deu de noite eu entrei no skype, perguntei se ela queria conhecer meus pais, ela falou que estava sozinha em casa e que era pra gente conversar hoje, quando o marido dela estaria também. Beleza né?
Aí ela me manda um email falando que a CC iria me ligar... hm, estranho. Corri no app, OPA, ela tinha liberado as infos pra mim, liberou TUDO. Endereço, telefone, fotos, a carta da family, o app com informações detalhas. ok, mantenha a calma. Corri no grupo do FB tirar essas dúvidas, sem saber se era match, se não era... mais ou menos 1 hora depois chega o email da Carolina Zopi -- CONGRATULATIONS! Era match! Corri no app de novo, já tinha tudo mudado, aí sim eu pude ficar feliz!

Embarco dia 19 de setembro, já conheci umas 5 meninas que vão estar perto de mim, dentre elas uma argentina e uma alemã, já vi as linhas de metro, mandei email pra LCC (que btw, não me respondeu) e pronto. Agora é hora de surtar por conta do visto. Quanta traquilidade nesse programa de au pair né?

Aug 8, 2011

#24

Oi gente! Vim aqui falar sobre as families que entraram no meu app, exceto a última. vcs devem estar se perguntando, mas ela não ia contar só quando tivesse o match? pois bem...

I HAVE A MATCH!

próximo post eu venho contar da minha family!!

N* Family
Carteret, NJ
Hosts: O Host Dad tem uma empresa de comunicação e é dono de uma escola de música, e a Host Mom ensina piano nessa escola
2 boys: 4 e 8 anos
Quase fechei mas descobri que o host dad era taradão

K* Family
Glen Ellyn, IL
Hosts: não lembro bem, acho que a Host Mom era RH de uma empresa e o Host Dad era autônomo
2 boys: 1 e 8 anos
Entraram no meu app, ficaram as 48hs permitidas e não entraram em contato comigo

M* Family
Harleysville, PA
Hosts: Não sei a profissão, mas ambos trabalham fora
2 girls: 9 e 11 anos
Foi a que eu mais me apaixonei. Conversei durante 1 semana com a atual au pair, mas eles decidiram fechar com uma menina em rematch

R* Family
Henderson, NV
Hosts: single mom, advogada
Boys: 3 meses e 4 anos
Entraram no meu app, sem contato. Mas só pelo lugar já não gostei

T* Family
Marietta, GA
Hosts: pelo profile, parecia que os dois trabalhavam em casa
Boys: 1 de 3 anos e meio e um que ia nascer em Janeiro
Entraram no meu app e sairam no mesmo dia, não gostei por "n" motivos mas me apaixonei pela casa.

Aaaaand thats it! :D I'm happy!!

Aug 5, 2011

#23

Alguém aí lembra que eu ia fazer um post com dicas pra letter? Então.. MUITA preguiça de fazê-lo, então eu resolvi fazer em vídeo mesmo, HAHAHAHAH. Não reparem na minha cara de sono, no cabelo bagunçado e na minha vergonha, primeiro vídeo que eu faço nesse estilo e como boa tímida que sou, quis morrer. Mas uma hora a gente tem que começar né?


Respondendo a pergunta da Nair, resolvi falar aqui porque se mais alguém de GO vier aqui, já sabe aonde procurar! O passaporte eu tirei no vapt-vupt do Shopping Araguaia (a rodoviária) e SÓ TIRA LÁ. Não precisa agendar horário, só chegar com seus documentos e pegar a senha. Algumas (muitas) horas depois, vc é atendida e dentro de 15 dias, ele fica pronto.

Aug 2, 2011

#22

Oi gente! Vim aqui mostrar mais fotos, hahah! Pedi meu kit Embratur numa quinta feira, na segunda já estava aqui :D Fiquei feliz, vou mostrar pra vcs o que eu recebi... Ah, pra quem quiser, eu tentei mandar praquele email da Mara mas não obtive resposta... então mandem pra esse aqui oh: dafin@embratur.gov.br, Já mandem com seus dados pra poder agilizar :)
Bom, no meu veio:

Seis murais enoooooorme com fotos de lugares do Brasil e escrito "If history is your passion, Brazil is your destiny"

Seis marcadores de livro, de dois modelos diferentes

Três conjuntos com 4 descansos de mesa, cada um com uma paisagem

Aí o kit completo...o boné meu pai já "roubou" pra ele, hahaha

Seis livrinhos com informações de várias cidades (Goiânia não veio :~)

Achei pouco.. vou na secretaria de turismo aqui de Goiânia pra ver o que eles tem.. e vou ver se mando email pra algumas secretarias de alguns estados pra ver se recebo tbm...
Enquanto isso, sem muitas novidades... ao menos, nenhuma que possa ser divulgada -- ainda. Mas saí do trabalho semana passada, e vou trancar minha faculdade logo, então agora é cabeça 100% no au pair! Beijocas :D